Archive | 2012.12.13

DO IT YOURSELF, por Marta Capelo

doityourself_princDo It Yourself é um video interactivo que pretende promover a reciclagem de objectos ou materiais usualmente descartados e transformá-los em algo prático e divertido a baixo custo!

Este é um projecto desenvolvido na cadeira de Metodologia Projectual Multimédia, leccionada na Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa.

Tem como objectivo incentivar para a prática da reciclagem pegando em objectos e materiais que normalmente são deitados fora (como o papel ou jornal) e transformá-los em algo que possa ser prático e divertido de forma económica. Pretende-se que o espectador construa os objectos ao mesmo tempo que observa os vários passos, interagindo assim com o video.

O projecto possui uma série de 20 vídeos, som ambiente e 3 imagens que apresentam o objecto que vai ser construído. Deve-se seguir uma ordem pois os objectos são construídos por passos. A ordem pode ser quebrada a partir do momento em que se desejar construir um objecto novo.

Os vídeos foram captados pela autora e foi utilizado o MPEG Streamclip para os compactar e o Korsakow para a concepção da parte interactiva.

doityourself_especific1

doityourself_especific2

doityourself_especific3

doityourself_especific4________________________

Publicações noutros contextos:
_ MartaCapeloCoelho.blogging
_Facebook
_
Reciclagem, Jardinagem e Decoração

Anúncios

PATTERNS, por António Nobre

Untitled-1

Fascinou-me os padrões gerados por frequências sonoras na areia. A cada frequência o padrão altera, dos mais complexos ao mais simples, do mais “agradável” ao mais “desconfortável”. Mas não só o som, os padrões gerados por intermédio de matérias magnéticos e magnetismo eram igualmente hipnotizantes e por isso utilizei-os também. Recolhi vários vídeos do youtube e o resultado é um catálogo com vários padrões gerados por frequências ou por influência magnética. Segmentos descontextualizados para serem recontextualizados pelo utilizador, aquando da sua experiencia de caracter exploratório. e parcialmente aleatórios (sendo que, apesar da ordem ser aleatória, a disposição com que são colocados na interface não o é). 

O projecto foi desenvolvido para a cadeira de Metodologia Projetual Multimédia, leccionada na Universidade de Lisboa – Faculdade de Belas Artes.

Divulgação:
Cargo Collective

Facebook

Fontes:

Source #1 

Source #2

Source #3

Source #4

patterns_especific3

patterns_especific2 patterns_especific1

patterns_especific4